terça-feira, março 01, 2005



"A morte de Sócrates" - Rafael Sanzio

Um comentário:

Paradoxo disse...

Se eu também estou com saudades?
Em tese. :-)